Feliz Aniversário! O Blog do Cemed comemora seu primeiro ano!

Podemos arbitrar – afinal de arbitrariedades também vive a ciência – o dia 25 de fevereiro como o aniversário do Blog do Cemed. Não podemos precisar o dia exato de seu nascimento. Trata-se de uma criação coletiva e progressiva, que aos poucos ganhou forma e de repente seu valor era ainda maior do que esperávamos. Sabemos que após alguns dias de experiência, essa data marca o início de suas atividades conscientes e de suas estatísticas.

Não importam as incertezas, pois o que se comemora hoje é uma grande vitória: existir durante esse tempo, manter boa qualidade e, acima de tudo, guardar em si a formação de um grupo de estudantes que o mantém com qualidade e se tornam pessoas mais conscientes e competentes para compreender e trabalhar nos limites de um caminho que nos leva ao consumo mais adequado de medicamentos. Parabéns a esses alunos, pois sem eles o Blog não teria sido criado, não existiria, e não teria sentido! Voltamos a eles, sempre, pois não acreditamos em outro caminho senão a formação de novas gerações capazes de ultrapassarem as anteriores, capazes de pensar por si e compreender que a ciência é produto da inteligência humana, produz coisas grandiosas para o homem, porém sujeita a todas as suas mazelas. Sua outra grande vitória: contar com leitores que têm nos acompanhado, ou lido esporadicamente nossas postagens, para quem dedicamos nosso esforço e motivo de continuar.

Nesse um ano, contamos com 17.224 acessos, com uma média de cerca de 50 acessos/dia (de 0 a 294Cemd 1 ano - Figura 1 em um dia, descontando o surpreendente e incomum dia em que tivemos 407 visualizações). Tomando por base a nova forma de apresentar as estatísticas de nosso provedor (WordPress), e aceitando a média para todo o período, podemos dizer que tivemos 1,5 visualizações/visitantes/dia.

Nesse período postamos 94 matérias (algumas no formato ‘séries’, divididas em capítulos, o que totaliza 100 postagens). Contabilizamos 10.019 visualizações, o que significa uma média de 106,6 acessos/matéria, variando de 02 a 804 acessos (nossa postagem campeã ‘O risco encoberto da pipoca de micro-ondas’). Os acessos à nossa página inicial foram de 6.838 e à seção ‘Quem somos’ de 172. As 20 matérias mais acessadas contabilizam 5.343 visualizações.

Fomos vistos em 47 países, nos cinco continentes. Alguns países inusitados, ou inesperados – Afeganistão, Jordânia, Macau, Emirados Árabes, Indonésia, Tunísia, Bósnia e Herzegovina para citar alguns. Outros têm nos acompanhado, como Portugal (com 328 acessos), Austrália (165 acessos), EUA (157 acessos), Espanha (102 acessos), nuestros hermanos da Argentina (78 acessos), da Colômbia (65 acessos) e do Chile (53 acessos). Em 10ª colocação em número de acessos empatam a Itália e o Uruguai (com 39 acessos cada). Os leitores brasileiros, obviamente, são nossos maiores companheiros: 14.843 acessos.

Cemed 1 ano - Figura 2Agradecemos igualmente a todos a confiança de nos visitar, ainda que só pela curiosidade de saber que site é este que apareceu no Google ao buscar uma informação.

Ao tomarmos consciência de sermos vistos em tantos países, algo inesperado para nós, tentamos no final do ano passado publicar o blog também em inglês e espanhol. Não conseguimos. Mas não desistimos, e seguimos buscando e aceitando ajuda para isso.

Finalmente, a comissão que coordena o projeto agradece aos alunos e aos leitores: sem os primeiros não existiria esse canal de informação; sem os segundos não existiria a razão de criar o canal e uma experiência didática que podemos dizer fascinante e produtiva para a formação desses jovens profissionais.

Muito obrigado a todos!

A comissão (Alba, Cristiane, Daniela, Edson e Marina)

Anvisa autoriza o desenvolvimento do primeiro medicamento biológico totalmente nacional

                                                                                                                          Por Raissa Carolina Fonseca Cândidoselo-notc3adcias-do-sus1

O etanercepte, de nome comercial Reumatocept®, é um medicamento biológico utilizado no tratamento de artrite reumatoide e de outras doenças que afetam as articulações. Entende-se por medicamento biológico, ou biomedicamento, todo medicamento obtido através de fluido biológico ou tecido de origem animal, e por meio de procedimentos biotecnológicos¹.

Importado pelo SUS desde 2006, o etanercepte é ofertado em duas apresentações (25mg e 50mg) a mais de 16 mil pacientes, o que somente em 2012 representou um gasto de R$364 milhões para o Ministério da Saúde².

Agora, a partir do registro concedido pela Anvisa, o etanercepte será produzido no Brasil. Caberá a uma parceria entre a Bionovis (que reúne as indústrias farmacêuticas Hypermarcas, Aché, União Química e EMS) e os laboratórios públicos Instituto Vital Brasil e Biomanguinhos/Fiocruz o desenvolvimento do primeiro medicamento biológico totalmente nacional, que deverá custar 50% menos que o importado².

Referências:
¹ Anvisa. Produtos Biológicos. Sistema de Perguntas e Respostas – FAQ. 2002. Disponível em: http://www.anvisa.gov.br/faqdinamica/index.asp?Secao=Usuario&usersecoes=36&userassunto=143
²  Semere, Bárbara. Agência Saúde – ASCOM/MS.  Brasil vai produzir primeiro biológico 100%. nacional. 2012. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/portalsaude/noticia/9423/162/brasil-vai-produzir-primeiro-biologico-100-nacional.html